Terça-feira, 3 de Julho de 2007

como ser infeliz no amor #01

 

Nada mais fácil, aparentemente. Os meios são numerosos e seguros, e até já foram inventados e inventariados desde há milénios. Os puristas dirão mesmo que é um desperdício sentimental procurar o falhanço numa área assim tão profícua. Cabe a si mostra-lhes que estão errados, inovando, e fazendo da sua história de amor um autêntico manual de infortúnio no romance. O fracasso dos fracassos. Na verdade, tem de arregaçar as mangas pois não é assim tão simples. Há sempre uma necessidade amorosa que atrapalha o seu projecto de falhanço, mas também uma corrente de amor por toda a parte, entre quase toda a gente. Isto porque muitos estão dispostos (ou dispostas: como sempre, o género é indiferente) a todas as baixezas e, a qualquer custo, até engolir inumeráveis e enormíssimos sapos, para experimentarem a felicidade de ter um amor (aparentemente) correspondido. Em suma, desconfie sempre, de tudo e de todos, pois as pessoas felizes no amor são mais numerosas do que se julga. Assim, evite ao máximo privar com elas, até porque são bastante contagiosas. Logo, dar-lhe-iam azar e até seriam capazes de levá-lo a falhar os seus próprios fiascos. Por isso, afaste-se desse monstro, chamado: bug love, ou bicho do amor, que quando o apanha consegue ser pior que uma peçonha.

 

Escolha um(a) eleito(a) e tenha desejos extravagantes. Deseje apenas um parceiro de uma espécie muito rara. Por exemplo: uma ruiva, com uma madeixa preta e dois seios desiguais. Ou um albino asiático, com mais de dois metros de altura. Se reparar, tem uma hipótese em dez milhões de o(a) encontrar. Então, irritado por tão fraca probabilidade de encontrar a alma gémea (ou o corpo), tornar-se-á frágil e até nervoso. Se quando finalmente o(a) encontrar, fique esmagado pela timidez e fuja a sete-pés, regressando assim ao ponto de partida. Talvez seja uma boa altura de procurar alguém menos extraordinário pois, para sermos infelizes no amor, temos fatalmente que encontrar alguém. Vá lá, seja menos esquisito. Agora vamos supor que já encontrou o eleito(a). Depois de abordá-lo(a), fica um conselho: parta sempre derrotado. A baixa auto-estima é um óptimo presságio para se conquistar atenção. Depois de ter chamado para si a devida atenção, e caso ainda pretenda continuar na corrida, seja agora bem desajeitado. Entre em círculos viciosos ou esquemas pouco claros e opte por condutas ou comportamentos de risco. Siga agora este meu conselho: enquanto não alcança os seus fins, comporte-se como um idiota - e enquanto for idiota - não alcance os seus fins.

 

Seja feio! Aliás, muito feio, asqueroso mesmo. Se por acaso tiver o azar de ser bonito e elegante, então vamos já tratar de dar cabo desse seu aspecto. Primeiro: arranje uma cicatriz enorme, ao barbear-se, por exemplo. Neste caso, as mulheres podem optar por lacerar os lábios, ou coisa que o valha. Segundo: vista-se pessimamente e compre roupas em tons dourados ou que tenham bainhas com bordados. Terceiro: corte o cabelo à tigela ou faça uma permanente como aquelas que estavam na moda nos anos oitenta. Depois dos devidos desarranjos, e na altura que começar a cortejar, seja ridículo. Mas, cuidado! Seja mesmo muito ridículo, pois existem dois tipos de ridículo. Um: comovedoramente grotesco, que o pode tornar simpático – sendo assim, está fora de questão! – e outro: mais frio, antipático, sem apelo nem agravo. É este último que deve procurar. Portanto, conte anedotas sem graça nenhuma (de preferência: muito porcas), ou histórias sem fim e sem nexo, ou imite o canto das baleias na época do cio, ou cante trechos de ópera com voz de falsete, ou profira ditos espirituosos totalmente falhados. Diga daquelas coisas que nem sequer provocam um mero sorriso, mas um encolher de ombros de desprezo, ou mesmo esgares de nojo. Enfim, seja por demais desagradável. Continua...

 

Um abraço...

shakermaker

 

para ver: PeggySueGotMarried » F.Coppola
para ouvir: I Am Hated For Loving por Morrissey em Vauxhall And I
blogjob por shakermaker às 00:00

ISOLAR POST | DESANCAR POST | RECOLHER POST
20 LINCHAMENTOS:
De MB a 2 de Julho de 2007 às 23:20
"Se amor é um encanto, que inflama na chama tirânico ardor, de ver não me espanto um peito desfeito a encantos de amor."

um abraço
IpsaEgo
De sistema de blackjack a 3 de Fevereiro de 2009 às 20:17
De hecho, un texto muy gracioso.
Por supuesto, de quien es la citación arriba? Me gustaría conocer el resto del poema.
De Inês Francisco a 3 de Julho de 2007 às 11:04
Olá Shaker,
já estava cheia de saudadinhas tuas

Nem imaginas como me fizeste rir como uma perdida, só mesmo tu. Já dei por mi a fazer-me de desajeitada para me livrar dum encontro aborrecido lol

Acho que deste aqui excelentes ideias, algumas delas muito úteis ahahah

Prometo que volto mais vezes, um beijo para ti
De Social mas Light a 3 de Julho de 2007 às 12:25
E depois deste post caro Shaker, permita-me que lhe passe a chamar Dr. Anti-Phill
Fique bem
De Luna a 3 de Julho de 2007 às 15:57
Ora aqui ficam as dicas! Muito boas, como já nos habituou!

O caro Shaker sempre atento ás necessidades da comunidade! ;)

Beijos doces...
De KI a 3 de Julho de 2007 às 20:26
Fácil! muito e demasiado fácil dar cabo de tudo e qualquer coisa, o contrário é que é tramado, se por vezes nos fartamos de nós como vamos aceitar o outro que amamos com todas as ilhas que possui? com todos os mares não navegáveis e rios doces? o raio do equílibrio é terrível... fácil, fácil desistir!!

Claro que vestir roxo com laranja dá certo, que arrancar as pestanas também... que ser do Benfica é sempre uma opção de boa conduta para infrutíferos relacionamentos e que usar bandelettes seja gajo ou gaja também tem o seu resultado.

Resumindo e baralhando acho que é muito fácil destruir e muito difícil construir,

E hoje um beijo Mr. Shaker em solidariedade que também eu estou triste com a ida da Marisa e o seu VeroPiacere...
De KLATUU o embuçado a 4 de Julho de 2007 às 04:16
----AVISO À NAVEGAÇÃO----

BLOG DE UMA PLAGIADORA: http://spring-gold.blogspot.com

------» kanoff


http://meninamomentos.blogspot.com/2007/05/um-falso-querer.html

http://spring-gold.blogspot.com/2007/07/no-espero-que-me-entendas-quero-de-ti_02.html

http://tocolante.blogspot.com/2005/04/25-de-abril.html

http://spring-gold.blogspot.com/2007/04/tocou-o-telefone-na-madrugada-l-longe-l.html

http://tsilva.blogs.sapo.pt/108951.html

http://spring-gold.blogspot.com/2007/04/o-nosso-cames-genial.html

http://corta-fitas.blogspot.com/search/label/Tert%C3%BAlia%20liter%C3%A1ria

http://spring-gold.blogspot.com/2007/04/versos-para-as-fitas-de-final-do-curso.html

E não pensem que a criatura só plagia poemas!

É tudo... ou quase!

[a cópia]
http://spring-gold.blogspot.com/2007/05/ter-pedalada.html

[o original]
http://corta-fitas.blogspot.com/2007_05_01_archive.html

Nem o Pacheco Pereira escapa!! :)

[a cópia]
http://spring-gold.blogspot.com/2007/05/uma-vida-uma-ficha-joo-silva-e-mulher.html

[o original]
http://abrupto.blogspot.com/2007/05/uma-vida-uma-ficha-joo-silva-e-mulher.html


___
Hi5: http://kanoff.hi5.com/
De Pedro a 4 de Julho de 2007 às 09:50
Olá,

Não é para desancar, é mesmo felicitar pelo destaque na página inicial dos Blogs (http://blogs.sapo.pt) e do SAPO (http://www.sapo.pt).

Em nome da equipa dos Blogs do SAPO, parabéns e boa continuação :-)

Pedro Neves
De Alicia Navarrete a 4 de Julho de 2007 às 10:21
Olá jeitoso!
Parabéns pelo destaque do teu blog q é mto merecido. A tua escrita brilhante e constante boa disposição sempre me conquistaram.
Sou uma fã assumidissíma lol
Beijo ENORME
Alicia
De saudosista a 4 de Julho de 2007 às 10:32
Grande Shaker, os meus parabéns um brinde ao teu blog.
Spooooorting
Ab
De fAkIr a 4 de Julho de 2007 às 10:38
Um excelente blog, sem dúvida. Gostava que passases pelo meu e espero que gostes também.

Fica bem

desancar shakermaker

Blog Widget by LinkWithin

»posts & blogjobs

» música menstrual

» o amor faliu

» dead man walking

» alive and kicking

» saudade amolece

» música para gente grisalh...

» penálti de cabeça #01

» café puro

» mais (es)perto da estupid...

» do caixão ao berço

» você bate no seu pc?!

» parebenizar & desvaloriza...

» bamboleo bambolea

» subindo paredes

» videoclip #05

» recycle bin

» saturday night sweat

» deixem-me em paz!

» working class hero

» a frase feita: o lugar-co...

» foram espinhos contra ros...

» há coisas que eu sei

» (quase) tudo sobre justiç...

» videoclip #04

» surrealizar por aí

» (com)postura corporal soc...

» todos juntos somos mais

» (quase) tudo sobre cortej...

» amor: um silêncio coniven...

» o cintilante não é brilha...

» a conspiração do semáforo

» as lesmas & as alfaces

» molhar as partes pudibund...

» presos pelo nariz

» dog bless america

» inferência das coincidênc...

» eu acredito no mosquito

» quem tem o gay na barriga...

» tira-nódoas vs tira-teima...

» um eco do prazer

» estou cansado de ser sexy...

» amor: reavivando a memóri...

» cosmética sexual #02

» cosmética sexual #01

» amor: brincando com o fog...

» cravados na mente

» o universo paralelo

» mistério do objecto invis...

» 7 e picos, 8 e coiso, 9 e...

» #33

»séquito & móinas

»insultar shakermaker

»feeds & não-sei-quê

»tags

» todas as tags