Sexta-feira, 9 de Março de 2007

martini time

 

Estávamos em meados de 2004 e na altura estava na berra um blog chamado Laura Rouge. Por lá vagueavam alguns dos piores, mas também dos melhores, cromos da blogosfera. No espaço de comentários proliferavam vários tipos de discursos, ora convites descarados à autora, ora profundos devaneios sobre a mesma. E foi nesses comentários, onde eu espalhava também o meu veneno, que fiquei a conhecer uma personagem de nome Zuko. Era, já na altura, um comentador cordial com uma dose certa de humor e também um narrador imaginativo. Para quem não conheceu, o Citizen Zuko tinha como base uma ideia assente no paralelo da vida quotidiana, tal como a conhecemos e vivemos, com a vida ficcional, aquela tal do cinema. A juntar a tudo isto, o Zuko ainda deixava espaço para a banda sonora e para um certo conceito de moral, ou mesmo conduta, nos seus textos. Um pouco como uma tomada de consciência de que a vida é mesmo como um filme. Dizia o Zuko: laife ize a movi, oloais si gude moves. Eu e o Zuko ainda tivemos tempo para alimentar o boato de que não nos gramávamos e nos dávamos muito mal. Durante dois anos, o Zuko manteve o blog quase sempre fiel à ideia original, contudo acabou por se render ao fatídico par de anos dum blog e terminou assim o Citizen Zuko. Mas desenganem-se os que pensam que o homem desapareceu… Nada disso, bem pelo contrário. O Zuko fez um Extreme Makeover e agora chama-se Martini Man. É verdade, ele agora só tem um objectivo na vida: desfrutar do melhor pôr-do-sol com a melhor companhia feminina partilhando um martini. Digamos que passou de gentleman a ladie`s man e até tem um e-mail para encontros exclusivos. Atenção, ele gosta de blind-dates! A isto chamou de Martini Time, e assim começou a segunda vida do Zuko na blogosfera. Ora, tudo isto causa-me uma certa nostalgia dos tempos idos. Aos poucos, alguns dos melhores bloguistas foram desaparecendo. Gente como o Xupa, o Insolente, a Laura Rouge, Las Manitas, entre outros, findou os seus blogs. Aliás, creio que agora sou o último dos resistentes com a mesma identidade. Estou a ficar velho, que bom! Apesar da mudança de blog e da mudança de nickname, acredito que o Zuko aka Martini Man ainda pode acrescentar algo de positivo à blogosfera. Eu conheço o tipo que está por trás desta personagem e posso assegurar que é boa pessoa. Com muitas reticências... Mas ainda assim boa pessoa. Caro Martini Man, não tenho intenções de tomar um martini contigo, até porque tu não fazes muito o meu género, mas estarei sempre disponível para uma boa conversa. Ou até mesmo um  churrasco tal como no dia que nos conhecemos.

 

Um abraço...

shakermaker

 

para ver: Scent Of A Woman » Al Pacino
para ouvir: Casanova por Roxy Music em Country Life
blogjob por shakermaker às 00:00

ISOLAR POST | DESANCAR POST | RECOLHER POST
9 LINCHAMENTOS:
De Mariana a 9 de Março de 2007 às 12:40
Este texto é muito útil, devia mesmo constar das páginas amarelas, obrigado pelo endereço.
Ainda há quem diga que a blogesfera não serve para nada.
De nena a 9 de Março de 2007 às 13:32
olha..,e ele há coisa melhor que ir a esse churrasco, mta carne, mto martini,mta conversa, mto conhecimento adquirido e principalmente conhecer 2 homens muuuito á frente que me despertaram já a curiosidade? ..naan...essa festa eu não trocava por nenhuma..é pra quando??
De nena a 9 de Março de 2007 às 13:56
( ou será que me estás a descartar?..)
De Maeve a 9 de Março de 2007 às 15:39
Caro Shaker

O Zuco continua um gentleman.
Não perdeu essa qualidade.
Um abraço...
Um bom fim de semana
De MalucaResponsavel a 11 de Março de 2007 às 14:42
Qd precisar de publicidade já sei a quem pedir... é que é só elogios... bj
De MARTINI MAN a 12 de Março de 2007 às 08:00
MR Shaker,

Isto é uma grande deslealdade.

É que aqui não se fala nem do Zuko (ou Zuco...) nem do Martini Man, mas do personagem que lhes dá vida e que actualmente a mudou completamente.

Por isso este texto é incomentável, dentro do quadro blogosférico, porque é da própria vida que aqui se fala e essa, como sabemos, é lá fora.

Um abraço, Mr Shaker e até ao proximo martini.
De gALA a 12 de Março de 2007 às 19:27
interessante a personagem seguida pelas reticências, na forma como a escreves

passarei por lá
De skin on skin a 13 de Março de 2007 às 00:32
Oi...
Que sensação estranha ao entrar aqui por acaso...é que acabei de passar por acaso no Martini Man! ;)

Já nos "conhecemos" de outro blog meu... ;)
Volto aqui!

Beijokas on skin
De Sereia a 18 de Março de 2007 às 21:16
De facto ele é boa pessoa, só não percebo porque é que ele conhece toda a gente à mesa, em frente a um bom petisco, não me digas que ele tb to cozinhou??

beijinhos

desancar shakermaker

Blog Widget by LinkWithin

»posts & blogjobs

» música menstrual

» o amor faliu

» dead man walking

» alive and kicking

» saudade amolece

» música para gente grisalh...

» penálti de cabeça #01

» café puro

» mais (es)perto da estupid...

» do caixão ao berço

» você bate no seu pc?!

» parebenizar & desvaloriza...

» bamboleo bambolea

» subindo paredes

» videoclip #05

» recycle bin

» saturday night sweat

» deixem-me em paz!

» working class hero

» a frase feita: o lugar-co...

» foram espinhos contra ros...

» há coisas que eu sei

» (quase) tudo sobre justiç...

» videoclip #04

» surrealizar por aí

» (com)postura corporal soc...

» todos juntos somos mais

» (quase) tudo sobre cortej...

» amor: um silêncio coniven...

» o cintilante não é brilha...

» a conspiração do semáforo

» as lesmas & as alfaces

» molhar as partes pudibund...

» presos pelo nariz

» dog bless america

» inferência das coincidênc...

» eu acredito no mosquito

» quem tem o gay na barriga...

» tira-nódoas vs tira-teima...

» um eco do prazer

» estou cansado de ser sexy...

» amor: reavivando a memóri...

» cosmética sexual #02

» cosmética sexual #01

» amor: brincando com o fog...

» cravados na mente

» o universo paralelo

» mistério do objecto invis...

» 7 e picos, 8 e coiso, 9 e...

» #33

»séquito & móinas

»insultar shakermaker

»feeds & não-sei-quê

»tags

» todas as tags